O livro “O tumor”, do líbio Ibrahim al-Koni, se passa em um oásis de um deserto do Norte da África, onde existe uma entidade conhecida por Líder, que nunca aparece, mas cujo representante ganha poder ao vestir uma túnica concedida por ele. É uma história inspirada nas culturas dos tuaregues (ou berberes, ou amazigh), povos seminomâdes que habitam a região do Sahel e do deserto do Saara. 

Para conhecermos mais dessa cultura, separamos 5 histórias tuaregues, os povos do deserto, pra você conhecer!

A tradução de “O tumor” foi feita por Mamede Jarouche e o projeto gráfico é de Marcelo Pereira, do @tecnopop.

1- Kel Asuf 

O povo da solidão, da natureza selvagem, ou da nostalgia, são espíritos que se encontram em locais distantes e escuros do deserto. Eles podem se apossar do corpo de uma pessoa ou se manifestar em forma de doença. Alguns marabouts realizam cerimônias de exorcismo ou incorporam esses espíritos como médiuns.

2 – Eljinen

A versão tuaregue do gênio da cultura árabe-islâmica tem uma aparência mais humana, só que com chifres, rabos e corpos cobertos de pelo. Eles podem ficar invisíveis e mudar de forma. Se organizam em grupos, têm reis e escravos, e preferem viver nas montanhas, em fortalezas secretas e perto de oásis solitários. 

3 – Kambaltou

São criaturas meio macaco, meio hiena, que podem mudar de forma. Conseguem devorar um camelo inteiro em uma única refeição, mas são proibidos de quebrar qualquer osso da sua comida. Se isso acontecer, perdem o poder da metamorfose. Diz-se que os esqueletos encontrados no deserto são feitos pelo kambaltou. 

4 – Anigouran

Também conhecido por Aligouran ou Arigullan, é uma espécie de herói das narrativas orais e populares dos tuaregues. Ele é dotado de uma grande inteligência e adora charadas. É considerado o inventor do Tifinagh, o alfabeto tuaregue, de vários jogos locais e de diversos aspectos do estilo de vida tuaregue.  

5 – Wantahit 

Personagem presente em “O tumor”, Wantahit (ou Wantahet) é considerado um dos líderes dos demônios, associado a Iblis, o líder dos shaytan (demônio), da cultura islâmica. Wantahit, “o grão-sedutor”, segundo Ibrahim al-Koni, é uma entidade astuciosa e trapaceira ligada a gênios e períodos de  secas.

´

Compre o livro aqui: O tumor

Paula Carvalho

Paula Carolina de Andrade Carvalho é doutoranda em história pela Universidade Federal Fluminense e editora da revista literária Quatro Cinco Um.

Assine nossa Newsletter